Início » Dicas » Dica 2: Como detectar o assédio moral na sua empresa?

O Assédio Moral não é um fenômeno novo, estando presente nas relações de trabalho tanto na iniciativa privada quanto na pública. Esta conduta fere as relações de trabalho e atentam contra a dignidade da pessoa humana.

Em uma conversa com um amigo, este me confidenciou que seu chefe era extremamente rude. Humilhações, piadinhas e sobrecargas de trabalho faziam parte de seu cotidiano. Contudo, desistir do emprego não era uma opção, pois tinha contas para pagar e família.

Meu amigo não está sozinho, segunda pesquisa do vagas.com 52% dos trabalhadores brasileiros já sofreu algum tipo de assédio no ambiente de trabalho e 34% já presenciou algum tipo de abuso.

Apesar de ser um assunto muito discutido, poucas pessoas sabem o que é ou entendem parcialmente.

No post de hoje, abordaremos sobre o que é assédio moral e como identifica-lo em sua empresa.

O que é assédio moral?

Conforme a Cartilha do TST:


A exposição de pessoas a situações humilhantes e constrangedoras no ambiente de trabalho, de forma repetitiva e prolongada, no exercício de suas atividades. É uma conduta que traz danos à dignidade e à integridade do indivíduo, colocando a saúde em risco e prejudicando o ambiente de trabalho.

O objetivo é desestabilizar o indivíduo emocional e profissionalmente e pode ocorrer de forma direta (piadas, gritos, humilhações) e indiretamente (boatos, isolamento, retirada da autonomia do indivíduo, sobrecarga de tarefas).

O que não é assédio moral?

  • Exigir que o trabalho seja feito.
  • Aumento do volume de trabalho.
  • Uso de mecanismos tecnológicos de controle
  • Más condições de trabalho

Quais são os tipos de assédio moral?

Assédio Moral Descendente

É o tipo de assédio mais comum. Ocorre quando o superior hierárquico assedia o seu subordinado.  Os superiores se aproveitam da sua condição de autoridade para colocar seus subordinados em condições vexatórias, exigindo metas impossíveis, humilhações, piadas.

Assédio Moral Institucional

A empresa tem uma cultura que apoia e incentiva o assédio.  Normalmente são empresas com um caráter muito competitivo e que utilizam de estratégias desumanas para estimular a produtividade de seus colaboradores.

Assédio Moral Ascendente

Assédio Moral ocorrido entre um colaborador ou um grupo de colaboradores contra o chefe. Por exemplo, como ações ou omissões para boicotar o chefe ou através de chantagens.

Assédio Moral Horizontal

Ocorre entre colaboradores do mesmo nível hierárquico. Quando a empresa estimula a competitividade demasiada entre seus empregadores. O assediador promove uma liderança negativa, zombando do colaborador mais vulnerável, o excluindo do grupo.

Quais as consequências na vida do indivíduo e da empresa?

Como prevenir nas empresas?

Muitas empresas têm adotado uma política anti-assédio porque sabem do papel social que exercem na sociedade.

Por esta razão, se fazem necessárias condutas preventivas para mitigar os riscos no ambiente de trabalho.

Um dos mecanismos eficazes para combater este crime nas Empresas é a implementação de um Canal de Denúncias.

Uma vez que ao obter conhecimento sobre a ocorrência do assédio, as empresas que utilizam canais de denúncias anônimas conseguem reduzir drasticamente a incidência de casos dessa natureza.

Uma ampla divulgação do canal, alinhada a um código de conduta e política de garantia do anonimato do denunciante e não retaliação são essenciais para o pleno funcionamento de combate a estas situações.

Agora que você já sabe que o Canal de Denúncias Externo pode reduzir os casos de assedio moral em sua empresa, leia o post sobre os 6 Grandes Benefícios do Canal de Denúncias.

Compartilhe: